Galerias

Uma boa barriga depois do bebê

Uma boa barriga depois do bebê


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Veja a apresentação de slides

Perder a barriga, não é tão fácil! Durante a gravidez, a pele da barriga é posta à prova: puxada e esticada. Após o parto, ela perde sua elasticidade. Nossas dicas, conselhos e exercícios de ginástica para encontrar uma boa barriga.

Uma bela barriga depois do bebê (7 fotos)

No trabalho!

Uma barriga redonda com a pele distendida é bastante normal após o parto. Mas por quanto tempo? Se, para algumas mulheres, é mais fácil recuperar sua figura antes da gravidez, para outras, será preciso mais paciência e rigor. Nós não entramos em pânico! Certamente irá, mas devagar e devagar ... Mas não há nada de errado em acelerar coisas "um pouco". Uma barriga lisa, tonificada e firme, todos sonhamos após um parto.

Como encontrar uma barriga lisa e um corpo firme após a chegada do bebê? Pensamos em algumas dicas que não esperamos. Cuidado com a pele, um bom sono, sem dietas draconianas ... E quando se trata do esporte, começamos sem problemas. Um pouco de caminhada, algumas posturas de ioga, ginástica suave, um pouco de natação seria o ideal. Aqui estão as nossas dicas!

Nenhuma dieta draconiana!

Uma barriga agradável após o bebê, é certo que é pago. Mas após o parto, fazer dieta provavelmente não é uma boa idéia. Uma boa dieta, saudável e equilibrada, contribui para uma ingestão correta de elastina e fibras de colágeno para firmar a pele e restaurar o tom. Não há dúvida de privar o corpo de nutrientes e vitaminas.

As vitaminas A (especialmente retinol), B, C e E desempenham papéis essenciais na proteção da pele e na manutenção da elasticidade e tom da pele. Essas vitaminas estão envolvidas na fabricação de fibras de colágeno.

No prato, não hesite em ovos, leite, aves, nozes e amêndoas, peixe oleoso, óleo de girassol ...

Caso contrário, teremos que prestar atenção com o sal, que tende a reter a água; o sal enfraquecerá e liberará os tecidos conjuntivos!

Leia também: 10 dicas de emagrecimento

Muito sono

Com o bebê chorando, trocas de fraldas, amamentação, mamadeiras ... muitas vezes é difícil fazer malabarismos. A melhor solução: dormir enquanto o bebê dorme também!
Você provavelmente acha que isso não tem nada a ver com a silhueta, a barriga. Mas sim! O sono é importante para respeitar um estilo de vida saudável; é verdade que mordiscamos menos quando estamos menos cansados, certo? Pequenos cochilos são necessários então!

Cuidados com a pele

Atualmente, muitos produtos estão disponíveis para ajudar a tonificar e firmar a pele. Geralmente, são produtos sob a forma de creme hidratante, rico em vitaminas, que serão aplicados na pele. Cremes anti-celulite, é ainda melhor!

Você pode seguir o conselho do seu dermatologista na escolha do seu produto. Os produtos à base de óleo de karité e óleo de rosa mosqueta são geralmente conhecidos e contêm anti-elastases.

A aplicação de um creme também requer algumas precauções para ajudar a pele a restaurar seu tom e firmeza. No nível dos membros, aplica-se o creme de baixo para cima. Em certas partes, como a barriga ou os quadris, a pessoa faz movimentos circulares como se massageasse levemente a parte.

Lembre-se de aquecer o produto com as mãos antes de aplicar.

Reabilitação perineal em primeiro lugar

A reabilitação perineal é importante para todas as mulheres que acabaram de dar à luz. Geralmente é prescrito durante uma visita pós-parto pelo ginecologista ou pela parteira. Nenhum esforço deve ser feito até que você tenha feito a reabilitação perineal.

As sessões de reeducação perineal são realizadas durante as seis semanas após o parto, de acordo com o modo de parto ou com o estado de saúde do bebê e da mãe.

Luz verde para exercícios suaves

Seis semanas se passaram! Você fez questão com seu ginecologista ou parteira, fez suas sessões de reeducação perineal; pode retomar os exercícios físicos sem problemas, começando com algumas posturas de ioga, andando ou nadando.

O yoga permite recuperar a flexibilidade e remodelar seu corpo gradualmente e profundamente.

Postura 1: Postura do tigre

A postura do tigre é especialmente recomendada para mulheres após o parto. Essa postura melhora a elasticidade das articulações da coluna, fortalece o cinto abdominal, tonifica os músculos das coxas e nádegas.

Passo 1: Sente-se, nádegas nos calcanhares.

Passo 2: Enquanto inspira, sente-se de joelhos, com as mãos estendidas para a frente.

Etapa 3: Ao expirar, coloque suavemente as mãos no chão, os braços estendidos. Você se encontra de quatro.

Etapa 4: traga o joelho esquerdo e a cabeça sob o corpo ao mesmo tempo, aproximando a testa e o joelho.

Etapa 5: Enquanto inspira, puxe a perna para trás e para cima (sempre com os joelhos dobrados); ao mesmo tempo, endireite a cabeça olhando para cima.

Passo 6: Ao expirar, coloque o joelho e a cabeça de volta sob o corpo.

Faça esses movimentos de extensão da flexão respeitando seu próprio padrão de respiração.

Mude de lado.

Postura 2: A postura do gato

A postura do gato suaviza as costas e relaxa facilmente os órgãos internos do abdômen ou da barriga. Essa postura fortalece suavemente os músculos abdominais e das costas.

Colocar de quatro: joelhos ligeiramente afastados da largura da pelve e mãos bem apoiadas e estendidas no chão, espalhar a largura dos ombros.

Traga os ombros para trás (gire os cotovelos de volta para os quadris para garantir que seus ombros estejam bem para trás); e mantenha as costas retas.

Quando estiver pronto, comece a inspirar inchando a barriga e trazendo-a de volta ao chão, endireite a cabeça levemente e dobre um pouco os cotovelos.

Depois expire retornando o umbigo em direção à coluna e contornando as costas. Solte a cabeça e observe o umbigo embaixo do corpo.

Volte para uma inspiração trazendo a barriga e o esterno de volta ao chão.

Faça esses movimentos respeitando o ritmo da respiração. Pare em 5 respirações.

Resistência após 4 meses

Pequenos exercícios que exigem mais resistência podem ser integrados pouco a pouco, alguns meses após o parto. Embora esses exercícios sejam tão simples e fáceis de executar, você sempre precisará do conselho do seu médico. Esses poucos exercícios ajudarão a amolecer a região lombar e fortalecer e firmar o cinto abdominal e o períneo.

Exercício 1

Em uma posição deitada de costas. Dobre os joelhos e leve-os ao peito. Coloque as mãos nos joelhos e faça movimentos circulares com os joelhos dobrados. Faça 5 movimentos circulares em cada direção.

Exercício 2

Sempre deitado de costas no chão, joelhos dobrados; braços estendidos ao longo do corpo. Traga os joelhos no peito e contraia os abdominais.
Em seguida, sempre com a perna dobrada, abaixe a perna direita para baixo, depois a perna esquerda e assim por diante (mas não toque o chão com o pé, aja como se estivesse chutando uma bola atrás de você). Faça 10 movimentos para cima e para baixo para cada perna.

 

Exercício 3

Enquanto estava deitado de costas, joelhos dobrados e levados ao peito. Estenda os braços ao longo do corpo, ao lado dos quadris.
Levante delicadamente o busto (o mais alto que puder) enquanto contrai os abdominais, os braços ainda deitados, os joelhos dobrados. Fique nessa posição por alguns segundos e depois volte ao chão. Repita essa postura 3 ou 5 vezes de acordo com sua conveniência e desempenho, mas sem forçar muito.

Para descobrir: